sábado, 23 de março de 2013

Jovem de 18 anos é apedrejado até a morte por ser gay na Somália .

Nesta semana, o jovem Mohamed Ali Baashi, de 18 anos, foi apedrejado até a morte por ser gay em Mogadíscio, capital da Somália.

De acordo com informações do site "Gay Star News", Baashi foi enterrado no chão até o peito e agredido por diversas pedras. O grupo Al Shabaab, ligado à Al-Queda, foi o responsável pela barbárie.

Acusado de sodomia, ou seja, praticar ato sexual com outro homem, o jovem teve o pior castigo comparado ao de um outro homem, acusado de cometer assassinato. O criminoso foi julgado e alvejado a tiros.

Para as leis do país, a homossexualidade merece punição maior do que qualquer ato considerado "ilegal", como o homicídio.

Imagens do apedrejamento do jovem foram postadas na página do Facebook da "Comunidade Gay da Somália".


Fonte ACapa

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CINEMATECA GLS

Arquivo de Homens

De Homem para Homem

ASSIM EU ME APAIXONO

ENTRE IGUAIS