terça-feira, 28 de janeiro de 2014

"Não temos gays em nossa cidade", diz prefeito de Sochi, sede dos Jogos Olímpicos de Inverno

O governo do presidente Vladimir Putin continua provocando a homofobia na Rússia. Desta vez, Anatoly Pakhomov, prefeito de Sochi, cidade-sede dos Jogos Olímpicos de Inverno, declarou que não há gays no local dos jogos e que a homossexualidade não é bem vinda na região. No entanto, todos serão tratados com hospitalidade.

"Nossa hospitalidade será sentida por todos os que respeitarem as leis da Rússia e não impuserem os seus hábitos para outras pessoas”, declarou Pakhomov referindo-se a lei local que proíbe qualquer tipo de manifestação ou “propaganda” da homossexualidade.

Para o prefeito, não é preciso pedir para gays de Sochi escondam sua homossexualidade, já que na cidade não há não há homossexuais.

“Nós apenas dizemos que isso [homossexualidade] é uma coisa sua, é a sua vida, mas, não é algo aceito no Cáucaso onde vivemos. Nós não os temos (gays) em nossa cidade”, afirmou.

Líder da oposição e ex-vice primeiro ministro da Rússia, Boris Nemtsov ironizou a declaração do prefeito afirmando que, existe sim, gays na cidade além de locais de diversão para a comunidade.

“Que eu saiba, existem vários bares gays em Sochi. Como eles sobrevivem? Por que eles não estão falidos? “, questionou Nemtsov em tom provocativo.

Os Jogos de Inverno na Rússia começam a partir do dia 6 e 23 de fevereiro e promete enfrentar protestos de defensores dos direitos LGBTs.


Fonte ACapa

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CINEMATECA GLS

Arquivo de Homens

De Homem para Homem

ASSIM EU ME APAIXONO

ENTRE IGUAIS