quarta-feira, 9 de julho de 2014

Duas prováveis namoradas se jogaram da Ponte Internacional da amizade

Garotas foram fotografadas antes de jogarem-se da ponte
Na manhã de uma quarta-feira do dia 25 de junho, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) recebeu informações de que duas adolescentes haviam se jogado da Ponte Internacional da Amizade.


Equipes da marinha paraguaia foram acionadas para iniciar buscas no Rio Paraná. O Corpo de Bombeiros de Foz do Iguaçu também foi chamado para procurar as jovens do lado brasileiro do rio.

Segundo o chefe da Direção Turística da Cidade del Este, Victor Acosta, as jovens eram as paraguaias Liz Mabel Bogado Benítez y Elida Rolón, de aproximadamente 16 anos, que pularam da ponte do lado pertencente ao país vizinho.

Foi a mãe de uma das jovens quem procurou as autoridades para denunciar o desaparecimento da filha que não compareceu ao colégio. O suicídio ocorreu às 08:30 da quarta-feira. Ambas ficaram abraçadas de forma chamativa no meio da ponte e repentinamente decidiram se lançar. Inclusive, transeuntes tiraram fotos das duas antes que se jogassem da ponte. Outros tentaram demovê-las do intuito de matar-se.
O bilhete, encontrado no local do duplo suicídio, indica um possível relacionamento amoroso entre as garotas. Um fragmento do bilhete diz textualmente: "Não me importa que esteja distante de mim. Nem a distância permitirá que deixe de lhe amar".

Considerando as características do caso e o fato de que adolescentes homossexuais têm maior taxa de risco de suicídio do que heterorossexuais, por sofrerem discriminação na escola e falta de apoio familiar, o trágico desfecho pode ter sido sim mais um produto do heterossexismo institucional.

Fonte AthosGls

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CINEMATECA GLS

Arquivo de Homens

De Homem para Homem

ASSIM EU ME APAIXONO

ENTRE IGUAIS