sexta-feira, 11 de julho de 2014

Hipermercado afasta funcionário que discriminou casal gay por selinho

O selinho de um casal gay dentro do hipermercado Extra, do Shopping Aricanduva, localizado na Zona Leste de São Paulo, causou a maior confusão na última terça-feira (8). Um funcionário ficou incomodado com a cena, a considerou "obscena" e chegou a chamar seguranças para retirar o grupo de amigos. "Aqui não é lugar apropriado para vocês se beijarem e ficar abraçando não. Você podem ficar a vontade, desde que não façam nada obsceno", declarou o funcionário. "Um selinho? Dois homens deram um selinho. Se fosse uma mulher e um homem não seria obsceno?", argumentou uma jovem. "Exatamente", concordou o funcionário. A cena foi gravada por um dos amigos e parou nas redes sociais. O hipermercado emitiu uma nota dizendo que o funcionário - cujo nome não foi divulgado - foi afastado e que estará sujeito a punição, advertência ou treinamento de reciclagem e sensibilização com o tema. "Qualquer ato discriminatório de funcionário em loja, se realizado, não condiz com a opinião da rede. E está em total desacordo com o Código de Conduta da Companhia, documento que orienta o padrão de comportamento exigido de seus colaboradores", defendeu o hipermercado.

Fonte ACapa

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CINEMATECA GLS

Arquivo de Homens

De Homem para Homem

ASSIM EU ME APAIXONO

ENTRE IGUAIS