sábado, 19 de julho de 2014

O adeus a cantora,escritora e ativista Vange Leonel

Morreu nesta segunda-feira (14) a cantora e escritora Vange Leonel, aos 51 anos. Ela estava internada no Hospital Santa Isabel, em São Paulo. A informação foi confirmada pelo hospital e a família não autorizou a divulgação da causa da morte.

Vange estava internada com câncer de ovário, segundo a "Carta Capital", revista na qual mantinha um blog sobre cervejas. O velório ocorreu no Horto da Paz, em Itapecerica da Serra (SP), na terça-feira (15), às 10h. A cerimônia de cremação foi as 14h. Maria Evangelina Leonel Gandolfo fez parte da banda de rock Nau, com a qual lançou disco em 1987. Dois anos depois, o grupo acabou. O sucesso veio com a carreira solo, em 1991. A música "Noite preta" fazia parte do disco “Vange” e foi incluída na trilha sonora da novela "Vamp", da TV Globo.

Vange Leonel no clipe da música 'Noite preta', seu maior sucesso (Foto: Divulgação)
O CD marcou o início da parceria artística com a jornalista Cilmara Bedaque. Ela foi também casada com Vange. Além de escrever livros e ser ativista LGBT, Vange roteirizou a peça “As sereias de Rive Gauche”, baseada em um de seus livros. Publicou ainda “Lésbicas” (1999), “Girls – Garotas iradas” (2001) e “Balada para as meninas perdidas” (2003).

Cilmara escreveu em seu perfil no Twitter que Vange estava com "um seríssimo problema de saúde". "Peçam aos deuses, deusas, toquem tambores ou o que como o bem entenderem. Estou vivendo o pior momento da minha vida. E não. Não posso responder perguntas porque minhas mãos estão ocupadas com as dela. Um sentimento que deixa partir tendo a certeza da liberdade do amor", comentou Cilmara, em sequência de tuítes.

Visto em O Globo

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CINEMATECA GLS

Arquivo de Homens

De Homem para Homem

ASSIM EU ME APAIXONO

ENTRE IGUAIS