segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Conheça oito cantores gays que usam a música contra o preconceito

Músicos como os americanos Steve Grand e Eli Lieb, o irlandês Ryan Dolan e o israelense Yehonathan levam a vídeos e canções suas experiências pessoais
No Brasil, o cantor sertanejo Thiago di Melo (heterossexual) resolveu criar uma história com personagens gays para o clipe da música “Pra Sempre”, lançado em maio deste ano. O que parece uma ousadia no Brasil não é nada em países como Estados Unidos, Irlanda, Dinamarca, Israel e Alemanha, onde artistas gays levam abertamente sua sexualidade para músicas e vídeos. Conheça oito desses ídolos pop em ascensão:

Steve Grand
Cantor e compositor americano, de 26 anos, Steve Grand ganhou a atenção do público em 2013, quando lançou no YouTube o vídeo de “All-American Boy”. Ficou conhecido então como o primeiro cantor masculino de música country abertamente homossexual. Em março, lançou dueto com outro ídolo gay, Eli Lieb, Look Away.

Eli Lieb (foto no alto da postagem)
Nascido em Fairfield, no estado americano de Iowa, Eli Lieb vive em Los Angeles. Assumidamente gay, costuma tratar de temas relacionados a sua sexualidade em músicas e vídeos. Em junho, após o atentato na boate gay Pulse, em Orlando, ele compôs em parceria com Brandon Skeie a música “Pulse”.



Asbjørn
Aos 23 anos, o cantor dinamarquês começou a compor muito cedo. Uma de suas primeiras canções foi feita para seu melhor amigo, que havia rompido com ele. As relações homoafetivas nunca deixaram de lhe inspirar. Como em “The Love You Have In You”, lançada em 2014.

Yehonathan
O cantor e ator israelense se iniciou na carreira musical aos 14 anos, cantando em hebreu. Em 2006, lançou sua primeira canção gay, a dançante “Calling You” . Desde então, emplacou vários sucessos, se alternando entre gravações em inglês e hebreu.


Tom Goss
O cantor e compositor americano de 35 anos tem uma carreira independente desde 2006, quando lançou o primeiro álbum, “Naked Without”. A maioria de suas músicas trata de temas relacionados ao público LGBT. Seu engajamento fica bem explícito no vídeo de “Son of a Preacher Man”.


Matt Alber
Nascido no Estado do Kansas e radicado em São Francisco, o cantor americano Matt Alber sempre foi abertamente gay. Embora afirme que não quer ser um porta-voz da comunidade LGBT, não deixa de tratar do assunto em sua música. Isso fica claro em “Handsome Boy”.



Ryan Dolan
O irlandês Ryan Dolan de 31 anos começou a ficar mais conhecido na Europa quando representou seu país no concurso Eurovision, com a música “Only Love Survives”. Em 2014, se assumiu gay publicamente numa entrevista à radio RTE. Em “Start Again”, ele fala dos problemas de aceitação na adolescência, algo parecido com o que ele mesmo viveu.



Huntington
Scott Huntington se mudou para Hamburgo, na Alemanha, onde formou a dupla Huntington com Dustin Ibrahimoglu. O primeiro vídeo do duo, “Secret”, foi lançado em 2014. É sobre um homem casado que reluta em contar à mulher sobre a atração por pessoas do mesmo sexo.

Por Rosualdo Rodrigues
Visto em Metrópoles

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CINEMATECA GLS

Arquivo de Homens

De Homem para Homem

ASSIM EU ME APAIXONO

ENTRE IGUAIS